???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.unoeste.br:8080/jspui/handle/jspui/1010
Tipo do documento: Dissertação
Título: Produção de milho no verão após cultivo de leguminosas como adubos verdes
Título(s) alternativo(s): Corn production in the summer after cultivation of legumes as green manure
Autor: Salomão, Gisele Rabelo 
Primeiro orientador: Tiritan, Carlos Sérgio
Primeiro membro da banca: Santos, Diego Henriques dos
Segundo membro da banca: Moro, Edemar
Resumo: A utilização da adubação verde para estabelecer a diversidade e o equilíbrio do sistema de produção é um dos paradigmas da agricultura moderna. O objetivo do presente trabalho foi avaliar a produção de milho, após o cultivo de leguminosas. As espécies utilizadas foram lab–lab (Dolichos lablab), estilosantes Campo Grande (Stylosantes capitata + Stylosantes macrocephala), mucuna preta (Styzolobium aterrimum) e crotalária juncea (Crotalaria juncea), o trabalho foi realizado entre setembro de 2013 a maio de 2014, conduzido a campo na Faculdade de Ciências Agrárias da Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE). O milho foi semeado no espaçamento de 0,90 m entrelinhas, perfazendo aproximadamente 50.000 plantas por hectare após o plantio das leguminosas. Os tratamentos constaram de uma testemunha, e quatro espécies de adubos verdes. O delineamento experimental foi blocos ao acaso com parcelas subdivididas e quatro repetições. Avaliou-se parte aérea das leguminosas aos 90 dias, para avaliação de massa seca e determinação do N total da parte área. Para a produtividade do milho foi analisado o stand, altura da planta, número de espigas, grãos por espiga e peso de cem grãos. Verificou-se que todas as leguminosas contribuíram para um acréscimo de produtividade.
Abstract: The use of green manure to establish the diversity and balance of the production system is one of the paradigms of modern agriculture. The objective of this study was to evaluate the corn crop production after the legume crop. The species used were lab-lab (Dolichos lablab), estilosantes Campo Grande (Stylosantes capitata + Stylosantes macrocephala), velvet bean (Styzolobium aterrimum) and juncea (Crotalaria juncea), the work was carried out between September 2013 and May 2014, led the field at the Faculty of Agricultural Sciences, University of West Paulista (UNOESTE). Corn was sown in 0.90 m spacing between lines, totaling approximately 50,000 plants per hectare after planting the legumes. The treatments consisted of a witness, and four species of green manure. The experimental design was a randomized block design with split plots and four replications. We evaluated the aerial part of pulses at 90 days for dry matter evaluation and determination of the N total part area. For corn yield was analyzed the stand, plant height, number of ears, grains per spike and weight of a hundred grains. It was found that all pulses contributed to an increase in productivity.
Palavras-chave: Zea Mays; Produção de Massa Verde; Nitrogênio; Sucessão de Cultura
Zea Mays; Green Mass Production; Nitrogen; Succession Culture
Área(s) do CNPq: CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade do Oeste Paulista
Sigla da instituição: UNOESTE
Departamento: Mestrado em Agronomia
Programa: Mestrado em Agronomia
Citação: SALOMÃO, Gisele Rabelo. Produção de milho no verão após cultivo de leguminosas como adubos verdes. 2015. 32f. Dissertação (Mestrado em Agronomia) - Universidade do Oeste Paulista, Presidente Prudente, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bdtd.unoeste.br:8080/jspui/handle/jspui/1010
Data de defesa: 1-Oct-2015
Appears in Collections:Mestrado em Agronomia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Gisele Rabelo Salomão.pdf167,81 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.