???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.unoeste.br:8080/jspui/handle/jspui/1042
Tipo do documento: Tese
Título: Nitrogênio, fósforo e potássio no estado nutricional, produtividade e qualidade do maracujazeiro amarelo
Título(s) alternativo(s): Nitrogen, phosphorus and potassium in the yield, quality and nutritional status of passion fruit
Autor: Miyake, Rodrigo Takashi Maruki 
Primeiro orientador: Creste, José Eduardo
Primeiro membro da banca: Tiritan, Carlos Sérgio
Segundo membro da banca: Santos, Carlos Henrique dos
Terceiro membro da banca: Lopez, Félici Lauri
Quarto membro da banca: Teixeira, Luiz Antônio Junqueira
Resumo: A cultura do maracujazeiro amarelo é de extrema importância para a região de Presidente Prudente- SP, sendo a segunda região em termos de produção no estado de São Paulo. A nutrição mineral adequada para às plantas é importante para obtenção de altas produtividades, aliadas a qualidade de frutos. Desta forma este trabalho teve como objetivo estudar a nutrição mineral com nitrogênio, fósforo e potássio e os seus efeitos sobre as características químicas do solo, estado nutricional das plantas, qualidade de frutos, produção e exportação de nutrientes em plantas de maracujazeiro amarelo. O experimento foi realizado em fatorial fracionado ½ x 4³ NPK com 32 tratamentos: 4 doses de N: 150; 300; 600; 1200 Kg ha-1 de N tendo com fonte o nitrato de amônio (32% de N); 4 doses de P: 200; 400; 800; 1600 Kg ha-1 de P2O5, fonte superfosfato triplo (42% de P) e 4 doses de K: 150; 300; 500; 700 Kg ha-1 de K2O com o fertilizante cloreto de potássio (60% de K). Foram avaliados os parâmetros: químicos do solo, teores de macronutrientes e micronutrientes de folhas e fruto; produtividade ha-1; produção de frutos comerciais; percentagem de frutos comerciais; classificação de frutos; número de frutos totais; peso médio de frutos; rendimento de polpa; brix; pH do suco; acidez titulável vitamina C; espessura da casca; comprimento do fruto e a exportação de nutrientes com frutos. No solo, a adubação nitrogenada influenciou na disponibilidade de fósforo e enxofre. As doses de N aumentaram o teor de N das folhas, consequentemente o nutriente influenciou nas características de espessura de casca, percentagem comercial, produção de frutos comerciais e classificação de frutos, auxiliando posteriormente na exportação de N pelo fruto do maracujazeiro. A máxima exportação de N com frutos foi de 106,76 Kg ha-1 para produtividade estimada de 43,02 Mg ha-1. A adubação fosfatada incrementou os teores de P do solo, com a máxima disponibilidade de P obtida foi de 238,78 mg dm-3 na dose 1600 kg ha-1 de P2O5. O fósforo também elevou a concentração de S nas folhas. As doses de P2O5 incrementou o número de frutos totais. A interação das doses de N e K2O interferiram nos níveis K do solo. As doses K2O não demonstraram efeito sobre os teores de nutrientes da folha e no estado nutricional de fruto consequentemente, não houve resposta na exportação de nutrientes com os frutos. Contudo, o potássio melhorou a percentagem e produção de frutos comerciais, classificação de frutos e ocasionou decréscimo do teor de vitamina C da polpa.
Abstract: The culture of yellow passion fruit is extremely important for President Prudente SP region and the second region in terms of production in the state of São Paulo. Proper mineral nutrition for the plants is important to obtain high yields, coupled with the quality of fruit. Thus this work aimed to study the mineral nutrition with nitrogen, phosphorus and potassium and its effects on the chemical characteristics of the soil, nutritional status of plants, fruit quality, production and export of nutrients in yellow passion fruit plants. The experiment was conducted in a factorial split ½ x 4³ NPK with 32 treatments: 4 doses of N: 150; 300; 600; 1200 kg ha-1 N having to supply ammonium nitrate (32% N); 4 doses of P: 200; 400; 800; 1600 kg ha-1 P2O5, source superphosphate triple (42% P) and 4 doses of K: 150; 300; 500; 700 kg ha-1 K2O with the fertilizer potassium chloride (60% K). The parameters analyzed were: soil chemical, levels of macronutrients and micronutrients leaves and fruit; productivity ha-1; production of commercial fruits; percentage of commercial fruits; fruit classification; total number of fruits; average fruit weight; pulp yield; brix; pH of the juice; titratable acidity, vitamin C; shell thickness; fruit length and the export of nutrients with fruit. In the soil, nitrogen fertilization influenced the availability of phosphorus and sulfur. N rates increased the N content of the leaves, hence the nutrient influences the characteristics of shell thickness, commercial percentage, production of commercial fruits and classification, subsequently assisting in the export of N by the fruit of passion fruit. The maximum export N with fruit was 106.76 kg ha-1 for an estimated yield of 43.02 Mg ha-1. The phosphorus fertilization increased the P content of the soil, with the maximum availability of P obtained was 238.78 mg dm-3 in the dose 1600 kg ha-1 of P2O5. The P rate also increased the concentration of S in the leaves. The doses of P2O5 increased the total number of fruits. The interaction of N and K2O interfere in K soil levels. The K2O doses showed no effect on the nutrient content of the sheet and the nutritional status of fruit consequently, there was no answer in the export of nutrients to the fruit. However, potassium improved the percentage and production of commercial fruits, classification and caused decrease in vitamin C content of the pulp.
Palavras-chave: Nutrição mineral; Passiflora edulis Sims.; Equilíbrio nutricional e produção e exportação de nutrientes.
Mineral nutrition; Passiflora edulis Sims.; Nutritional equilibrium, production and export of nutrients.
Área(s) do CNPq: CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade do Oeste Paulista
Sigla da instituição: UNOESTE
Departamento: Doutorado em Agronomia
Programa: Doutorado em Agronomia
Citação: Miyake, Rodrigo Takashi Maruki. Nitrogênio, fósforo e potássio no estado nutricional, produtividade e qualidade do maracujazeiro amarelo. 2016. 122f. Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade do Oeste Paulista, Presidente Prudente, 2016.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bdtd.unoeste.br:8080/jspui/handle/jspui/1042
Data de defesa: 11-Oct-2016
Appears in Collections:Doutorado em Agronomia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Rodrigo Takashi Maruki Miyake.pdfRodrigo Takashi Maruki Miyake1,78 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.