???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.unoeste.br:8080/jspui/handle/jspui/1078
Tipo do documento: Tese
Título: Estabelecimento do DRIS para Lima Ácida Tahiti na região Noroeste do Paraná
Título(s) alternativo(s): Establishment of DRIS for Tahiti Lime in the Northwest of Paraná
Autor: Silva, Ricardo Augusto da 
Primeiro orientador: Creste, José Eduardo
Primeiro membro da banca: Tiritan, Carlos Sérgio
Segundo membro da banca: Uliana, Maíra Rodrigues
Terceiro membro da banca: Boaretto, Rodrigo Marcelli
Quarto membro da banca: Grillo, José Francisco
Resumo: O Brasil possuí uma área de 715.580 mil hectares de frutas cítricas (Laranja e Limão), resultando em uma produção no ano de 2015 de 17.926.518,00 milhões de toneladas, sendo que desse montante 47.391 mil ha são de Limão e Lima Ácida (IBGE, 2017), o que demonstra a importância da atividade para o país. No Paraná, o Limão/Lima Ácida Tahiti ocupa uma área de 1034 hectares, resultando em uma produção de 30.141 toneladas, gerando um Valor Bruto de Produção (VBP) de R$ 50.637.384,00 milhões (1,8% da produção da fruticultura estadual), mostrando a importância da cultura para o estado. O trabalho foi realizado entre os meses de Fevereiro de 2015 à Julho de 2016 (safras 2014/2015, 2015/2016), em propriedades rurais situadas nos municípios de Santa Fé, Ângulo, Iguaraçu, Nova Esperança e Altônia, ambos no estado do Paraná. Obteve-se o estabelecimento das normas DRIS para a diagnose nutricional da Lima Ácida Tahiti (Citrus latifolia Tanaka) para o Estado do Paraná, utilizando como padrão a produtividade de 32,5 t ha-1 (safras 2014/2015 e 2015/2016). Observou-se nos dados das amostras do ponto de corte escolhido (acima de 32,5 t ha-1) que, no ano agrícola 2014/2015 a deficiência maior foi do nutriente B (40%), seguido do Mg (26%). Quanto aos teores dos nutrientes excessivos, verificou-se nos nutrientes S (25%), seguidos do Ca (20%) e K (18%). Já, nos resultados com os dados do ano agrícola 2015/2016, verificou-se deficiência de P (21%), seguido dos nutrientes B e Fe (20% ambos). Em relação aos teores de nutrientes excessivos, pode-se observar o K (21%), seguido dos nutrientes N (16%) e Mn (14%). Pode-se definir um critério para escolha de qual matriz gerada pelo sistema DRIS utilizar à nível de campo, haja vista que quanto maior a produtividade menor foi o IBN, através do cálculo e análise da correlação (r) entre o Índice de Balanço Nutricional (IBN) e matrizes DRIS para os diferentes níveis produtivos. obteve-se o estabelecimento das normas DRIS para a Lima Ácida Tahiti (Citrus latifolia Tanaka) para o estado do Paraná, utilizando como padrão, a produtividade acima de 32,5 t ha-1.
Abstract: Brazil has an area of 715,580 thousand hectares of citrus fruits (Orange and Lemon), resulting in a production in the year 2015 of 17,926,518.00 million tons, of which 47,391 thousand ha are of Lemon and ‘Tahiti’ Lime (IBGE, 2017), which demonstrates the importance of the activity for the country. In the state of Paraná, the Lemon / ‘Tahiti’ Lime area occupies an area of 1034 hectares, resulting in a production of 30,141 tons, generating a Gross Production Value (VBP) of R$ 50,637,384.00 million (1,8% of state fruit production), showing the importance of the crop to the state. The work was carried out between February 2015 and July 2016 (2014/2015, 2015/2016), in rural properties located in the municipalities of Santa Fé, Ângulo, Iguaraçu, Nova Esperança and Altônia, both in the state of Paraná . It was obtained the establishment of the DRIS norms for the nutritional diagnosis of Tahiti Lime (Citrus latifolia Tanaka) for the State of Paraná, using as standard the productivity of 32.5 t ha-1 (2014/2015 and 2015/2016 crops). It was observed in the data of the samples of the selected cut point (above 32.5 t ha-1) that in the agricultural year 2014/2015 the major deficiency was nutrient B (40%), followed by Mg (26%). As for nutrient contents, nutrients S (25%), Ca (20%) and K (18%) were observed. Already, in the results with the data of the agricultural year 2015/2016, deficiency of P (21%) was verified, followed by the nutrients B and Fe (20% both). In relation to the contents of excessive nutrients, one can observe K (21%), followed by nutrients N (16%) and Mn (14%). It is possible to define a criterion for choosing which matrix generated by the DRIS system to use at the field level, since the higher the productivity, the lower the IBN was obtained by calculating and analyzing the correlation (r) between the Nutritional Balance Index IBN) and DRIS matrices for the different productive levels. it was obtained the establishment of the DRIS standards for Tahiti Lime (Citrus latifolia Tanaka) for the state of Paraná, using as standard, productivity above 32.5 t ha-1.
Palavras-chave: Citros, Diagnose Foliar, Fertilidade do Solo, Citrus latifolia, Nutrição Mineral de Plantas.
Citrus, Leaf Diagnosis, Soil Fertility, Citrus latifolia, Mineral Nutrition of Plants.
Área(s) do CNPq: CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade do Oeste Paulista
Sigla da instituição: UNOESTE
Departamento: Doutorado em Agronomia
Programa: Doutorado em Agronomia
Citação: Silva, Ricardo Augusto da. Estabelecimento do DRIS para Lima Ácida Tahiti na região Noroeste do Paraná. 2017. 84 f. Tese (Doutorado em Agronomia) - Universidade do Oeste Paulista, Presidente Prudente, 2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bdtd.unoeste.br:8080/jspui/handle/jspui/1078
Data de defesa: 17-Nov-2017
Appears in Collections:Doutorado em Agronomia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Ricardo Augusto da Silva.pdf1,84 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.