???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.unoeste.br:8080/jspui/handle/jspui/1144
Tipo do documento: Dissertação
Título: Resiliência docente frente à introdução das metodologias ativas em um curso de medicina
Título(s) alternativo(s): Resilience in the context of the introduction of active learning methodologies in a medicine course
Autor: BAPTISTA, Celeste Corral Tacaci Neves 
Primeiro orientador: Murgo, Camélia Santina
Primeiro coorientador: Silva, Rinaldo Henrique Aguilar da
Primeiro membro da banca: Gebran, Raimunda Abou
Segundo membro da banca: Montiel, José Maria
Resumo: Esta dissertação apresenta a história da escola médica no mundo ocidental e a história da escola médica no Brasil. Desde a fundação da primeira escola em 1808 em Salvador na Bahia até a publicação das Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN´s) para os cursos de Medicina em 2014. Aborda a fundamentação teórica sobre o tema resiliência. Também apresenta a evolução do conceito sob o olhar de vários estudiosos. Evidencia ainda os estudos sobre a resiliência na educação e no ambiente educativo da escola médica, buscando aproximar a compreensão deste processo nos professores, lançando um olhar especial neste momento de transições metodológicas e de mudança no papel docente. A presente pesquisa teve como objetivo avaliar a resiliência do professor de medicina no contexto da mudança pedagógica para as metodologias ativas de ensinoaprendizagem instituídas pelas Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) para os cursos de Medicina em junho de 2014. O local escolhido foi um curso de Medicina no interior do estado de São Paulo em atividade há 30 anos. Esta dissertação teve como sujeitos da pesquisa 75 docentes a partir do universo de 275 docentes escolhidos aleatoriamente entre todos os termos, incluindo o internato, sendo todos com atribuição de aulas no curso de Medicina. Foi utilizada uma escala para avaliação da resiliência dos docentes intitulada Escala dos Pilares da Resiliência (EPR) que avalia os pilares denominados: Aceitação Positiva de Mudança, Autoeficácia, Autoconfiança, Bom Humor, Controle Emocional, Empatia, Independência, Orientação Positiva para o Futuro, Reflexão, Sociabilidade e Valores Positivos. Os dados foram analisados por meio do software Statistical Package for the Social Sciences (SPSS) v.21, com estatísticas descritivas utilizando-o para a caracterização da amostra e das médias dos participantes no instrumento. Posteriormente, foram realizadas as estatísticas inferenciais com teste t de Student, ANOVA, Prova de Tukey e Correlação de Pearson entre os fatores do instrumento e variáveis sociodemográficas. Retomando os objetivos propostos por esta pesquisa, foram identificados os níveis de resiliência no corpo docente através da aplicação da EPR. Os resultados indicaram que as pontuações nos pilares Bom Humor, Controle Emocional, Empatia e Orientação Positiva para o Futuro foram encontrados valores baixos, que se fossem analisados de modo isolado poderiam significar uma fragilidade importante neste grupo. Os pilares Aceitação Positiva de Mudança, Autoconfiança, Independência e Sociabilidade apresentaram escores médios, indicando que devidamente amparados por condições ambientais e afetivas estes pilares podem se tornar uma fortaleza. E os pilares Autoeficácia, Reflexão e Valores Positivos apresentaram valores muito altos, demonstrando que estes pilares podem sustentar as fragilidades encontradas nos outros pilares, já que estes docentes vêm desenvolvendo seu trabalho neste processo de mudanças com crescente sucesso. Com os resultados deste estudo, foi possível identificar que os docentes apresentaram um nível de resiliência apoiados em pilares que podem facilitar a adoção das mudanças metodológicas. E as fragilidades encontradas podem servir de reflexão e futuro alvo de um trabalho institucional para o desenvolvimento docente.
Abstract: This dissertation presents the history of the medical school in the Western world and the history of the medical school in Brazil. Since the foundation of the first school in 1808 in Salvador in Bahia until the publication of the National Curricular Guidelines (DCN ´ s) for the medical courses in 2014. It addresses the theoretical rationale on the theme resilience. It also presents the evolution of the concept under the gaze of several scholars. It also highlights the studies on resilience in education and the educational environment of the medical school, seeking to approximate the understanding of this process in the teachers, launching a special look at this moment of methodological transitions and change in paper Teaching. The objective of this research was to evaluate the resilience of the professor of medicine in the context of pedagogical change for the active teaching-learning methodologies instituted by the National Curricular Guidelines (DCN) for the courses of medicine in June 2014. The chosen place was a medical course within the state of São Paulo in activity for 30 years. This dissertation had as subjects of the research 75 teachers from the universe of 275 teachers randomly chosen among all the terms, including the boarding school, all of which were assigned classes in the course of medicine. A scale was used to evaluate the resilience of teachers entitled Scale of the Pillars of Resilience (EPR) that evaluates the so-called pillars: positive acceptance of change, self-efficacy, confidence, good Humor, emotional control, empathy, Independence, positive guidance for the future, reflection, sociability and positive values. The data were analyzed through the software statistical Package for the Social Sciences (SPSS) v. 21, with descriptive statistics using it for the characterization of the sample and the averages of the participants in the instrument. Subsequently, Inferencial statistics were carried out with Student t test, ANOVA, Tukey proof and Pearson correlation between instrument factors and sociodemographic variables. By resuming the objectives proposed by this research, the levels of resilience in the faculty were identified by applying the EPR. The results indicated that the scores in the pillars good Humor, emotional control, empathy and positive guidance for the future were found low values, which if they were analyzed in an isolated way could mean an important fragility in this Group. The pillars positive acceptance of change, self-confidence, independence and sociability presented medium scores, indicating that properly taken care of by environmental and affective conditions these pillars can become a fortress. And the pillars of Autoefficiency, reflection and positive values showed very high values, demonstrating that these pillars can sustain the weaknesses found in the other pillars, since these teachers have been developing their work in this process of Changes with increasing success. With the results of this study, it was possible to identify that the teachers presented a level of resilience supported in pillars that can facilitate the adoption of the methodological changes. And the weaknesses found can serve as a reflection and future target of an institutional work for the teaching development.
Palavras-chave: Resiliência
Professor de Medicina
Aprendizagem Baseada em Problemas
Aprendizagem Ativa
Resilience
Medical Teacher
Problem-Based Learning
Active Learning
Área(s) do CNPq: CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Universidade do Oeste Paulista
Sigla da instituição: UNOESTE
Departamento: Mestrado em Educação
Programa: Mestrado em Educação
Citação: BAPTISTA, Celeste Corral Tacaci Neves. Resiliência docente frente à introdução das metodologias ativas em um curso de medicina. 2018. 80 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade do Oeste Paulista, Presidente Prudente, 2018.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
Endereço da licença: http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/
URI: http://bdtd.unoeste.br:8080/jspui/handle/jspui/1144
Data de defesa: 12-Apr-2018
Appears in Collections:Mestrado em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Celeste Corral Tacaci Neves Baptista.pdf1,84 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons