???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.unoeste.br:8080/jspui/handle/tede/706
Tipo do documento: Dissertação
Título: Termografia Digital por Infravermelho do Escroto e Qualidade do Sêmen em Touros Nelore (Bos taurus indicus)
Título(s) alternativo(s): Scrotum Digital Infrared Thermography and Semen Quality in Nelore bulls (Bos taurus indicus)
Autor: Ruediger, Felipe Rydygier de 
Primeiro orientador: Chacur, Marcelo George Mungai
Primeiro membro da banca: Reis, Luis Souza Lima de Souza
Segundo membro da banca: Bremer Neto, Hermann
Resumo: A eficiência reprodutiva é um dos fatores determinantes para melhorar os índices zootécnicos da pecuária de corte. A contribuição do touro para a eficiência reprodutiva do rebanho é de grande importância. Os testículos bovinos devem ser mantidos abaixo da temperatura corporal central, para a produção de espermatozoides morfologicamente viáveis, normais. A termorregulação escrotal e testicular é um sistema de manutenção da temperatura fisiológica dos testículos. A termografia infravermelha é uma técnica não invasiva que é utilizada para medir a temperatura da superfície escrotal em touros. O objetivo deste trabalho, foi de estudar a relação da temperatura do escroto sobre a qualidade seminal pelo uso da termografia por infravermelho em touros Nelore criados extensivamente. Foram utilizados 6 touros Nelore realizando-se termografia escrotal e colheita de sêmen a cada 10 dias, totalizando 36 ejaculados. Os dados climáticos foram coletados por meio de globo termômetro. Os termogramas do escroto foram obtidos por meio de termografia digital de infravermelho e analisados por meio de software para as temperaturas da superfície escrotal, dos lados direito e esquerdo, colo do escroto, terços dorsal, médio, e ventral dos testículos e cauda do epidídimo. Efetuou-se colheitas de sêmen, por meio de eletroejaculação para analise das características quantitativas e qualitativas. Para os dados, utilizou-se análise de variância e posteriormente aplicou-se o teste de Tukey a 5%, e correlação linear de Pearson. Houve correlação positiva entre motilidade espermática e as temperaturas do escroto; entre concentração, e as temperaturas do escroto; entre os fatores climáticos e temperatura retal. Houve correlação negativa entre temperatura ambiente e concentração espermática (p<0,05). Não houve correlação entre os dados climáticos, e as temperaturas do escroto e entre temperatura retal e as temperaturas do escroto. Concluiu-se que as temperaturas da superfície do escroto e os fatores climáticos, temperatura e umidade do ar, influenciaram na qualidade do sêmen. A termografia é recomendada como exame complementar na avaliação reprodutiva de touros.
Abstract: Reproductive efficiency is one of factors for improving livestock production indices cutting factors. The contribution of the bull to the reproductive efficiency of the herd is of great importance. Bovine testes should be kept below the core body temperature for the production of morphologically viable, normal sperm. The scrotal and testicular thermoregulation is a system for maintaining the physiological temperature of the testicles. Infrared thermography is a noninvasive technique that is used to measure the surface temperature of the scrotum bulls. The objective of this work was to study the relationship of scrotal temperature on semen quality by use of infrared thermography in Nellore bulls bred extensively. 6 Nellore by performing scrotal thermography and semen collection every 10 days were used, totaling 36 ejaculates. Climatic data were collected through globe thermometer. The thermograms of the scrotum were obtained by digital infrared thermography and analyzed by software to the scrotal surface temperatures, the right and left sides, neck of the scrotum, dorsal thirds, middle, and ventral of the testes and cauda epididymis. We conducted ejaculates through electroejaculation for analysis of quantitative and qualitative characteristics. For the data, we used analysis of variance and subsequently applied the Tukey test at 5%, and Pearson correlation. There was a positive correlation between sperm motility and the temperatures of the scrotum; between concentration and temperature of the scrotum; between climatic factors and rectal temperature. There was a negative correlation between temperature and sperm concentration (p <0.05). There was no correlation between the climatic data, and temperatures between the scrotum and rectal temperature and temperature of the scrotum. It was concluded that the surface temperatures of the scrotum and climatic factors, temperature and humidity, influence the quality of semen. Thermography is recommended as a complementary test in the evaluation of reproductive bulls.
Palavras-chave: fatores climáticos
termograma escrotal
touro zebu
sêmen
climatic factors
scrotal thermogram
zebu bull
semen
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade do Oeste Paulista
Sigla da instituição: UNOESTE
Departamento: Ciências Agrárias
Programa: Mestrado em Ciência Animal
Citação: RUEDIGER, Felipe Rydygier de. Scrotum Digital Infrared Thermography and Semen Quality in Nelore bulls (Bos taurus indicus). 2014. 50 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Agrárias) - Universidade do Oeste Paulista, Presidente Prudente, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bdtd.unoeste.br:8080/tede/handle/tede/706
Data de defesa: 20-Jun-2014
Appears in Collections:Mestrado em Ciência Animal

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Felipe Rydygier de Ruediger.pdf329,59 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.