???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://bdtd.unoeste.br:8080/jspui/handle/tede/934
Tipo do documento: Dissertação
Título: A política de formação profissional no Programa Mulheres Mil: uma análise da experiência desenvolvida no Instituto Federal do Paraná
Título(s) alternativo(s): The vocational training policy of Mulheres Mil Program: an analysis of the experience developed at the Federal Institute of Paraná.
Autor: Mantovani, Talita Rafaele D Agostini 
Primeiro orientador: Alaniz, érika Porceli
Primeiro membro da banca: Prado, Vagner Matias do
Segundo membro da banca: Novaes, Henrique Tahan
Resumo: Este estudo trata da análise da política pública de formação profissional do Programa Mulheres Mil (PMM) e se vincula a linha de Pesquisa Instituição Educacional: Organização e Gestão. O PMM é uma das ações do Plano Brasil Sem Miséria do governo federal, pertencendo ao eixo inclusão produtiva, juntamente com outros programas de qualificação profissional. Estes programas são executados por instituições como o Instituto Federal que, de acordo com a lei de criação, tem como princípio o desenvolvimento econômico e social de acordo com os arranjos produtivos locais. O objetivo do PMM é promover a qualificação profissional para melhorar a inserção no mundo do trabalho e, consequentemente, a renda. As orientações contidas neste programa, bem como em outros programas de qualificação profissional, provém de organismos reguladores internacionais que prescrevem indicações para o sucesso da educação dos países em desenvolvimento, por entender que a educação age diretamente na diminuição da pobreza por meio da inserção na produção e no consumo. Assim, este trabalho tem como objetivo identificar os principais condicionantes envolvidos na implantação da política de formação profissional no PMM no Instituto Federal do Paraná e a inserção social das alunas no mercado do trabalho. Trata-se de pesquisa documental e empírica. Os dados empíricos foram coletados por meio de entrevista semiestruturada e questionário, cujos instrumentos foram aplicados às alunas egressas e evadidas respectivamente. Todas as entrevistadas pertenceram à turma que ingressou em 2011 no Instituto Federal do Paraná, Câmpus Umuarama. Observou-se que a formação profissional proporcionada às mulheres pelo PMM inseriu-as no trabalho informal, em outros casos a qualificação não resultou em nenhum tipo de inserção no trabalho. Aliado a este fato, não houve elevação da escolaridade, como almejado inicialmente pelo programa, bem como a formação proporcionada direciona a trajetória das mulheres para o trabalho simples, não relacionado aos avanços tecnológicos. Alguns condicionantes impostos pela organização do Estado, que impedem que os objetivos do programa sejam alcançados, são: 1) a elevação da escolaridade, que é um objetivo anunciado, não se concretiza na prática; 2) a abordagem do empreendedorismo presentes nos documentos representa a concepção produtivista e mercantilista; 3) o programa constitui-se em política focalizada com o objetivo de alívio da pobreza e assume uma dimensão compensatória; 4) a inserção de temas como desenvolvimento sustentável, cooperativismo e empreendedorismo na formação básica das mulheres tem o intuito de corresponsabilizar as mulheres na resolução destes problemas; 5) a inserção social objetivada pelo programa não se efetiva na prática, pois não atinge o trabalho formal. Os condicionantes impostos pela organização do Estado à formação profissional no PMM salienta a adaptação ao sistema do capital.
Abstract: This study deals with the analysis of vocational training public policy of the Mulheres Mil Program and links to online research Educational Institution: Organization and Management. Mulheres Mil Program is one of the actions of the Plano Brazil Sem Miséria of federal govern, belonging to the productive inclusion field, together with other programs of professional qualification. These programs are carried out by institutions like Federal Institute, which by it creation law, it has like principle the economical and social development according to the local productive arrangements. The aim of Mulheres Mil Program is to promote the professional qualification to improve the insertion in the world of employment, and, consequently, the income. The orientations in this program, as well as, in other programs of professional qualification, comes from the international regulator organisms which prescribe indications to the countries in development education success, to understand that the education acts directly in the poverty reduction by the insertion of production and consumption. Thus this work has as objective to identify the main conditioning involved in the professional formation policy implantation in the Mulheres Mil Program in the Federal Institute of Paraná and the student women social insertion in the job market. The analysis carried out was predominantly qualitative, using documental diagnosis, later it was realized semi-structured recorded interview and questionary applied to the egress and drop out students respectively, all of them belonging to the group which entered in 2011 to the Federal Institute of Paraná, Umuarama Câmpus. It was observed that the professional formation proportioned to the women by the program inserted them to the informal job. Together with this fact there was no schooling elevation as expected in the beginning by the program, as well the proportioned formation leads the women trajectory to the common job, not related to the technological advances. Some conditionings imposed by the State organization which blocks the objectives of the program are reached are: 1) in the schooling elevation which is the objective of the MMP and it does not work in the practice; 2) in respect of entrepreneurship notions present in the formation documents, attending to a productive and the business-based conception; 3) in the Mulheres Mil Program to constitute like policy focused like the objective of poverty alleviation, assuming a compensatory dimension; 4) in the themes used like sustainable development, cooperative and entrepreneurship in the women basic formation, with the objective of making the women awareness of the shared responsibility in solving these problems; 5) in the social insertion aimed by the program which does not work in the practice, because the insertion almost reaches the formal job. The conditions imposed by the state organization for professional training in PMM emphasizes the adaptation to the capital system.
Palavras-chave: Educação Profissional
Política Pública
Gênero.
Professional Education
Public Policy
Gender
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Universidade do Oeste Paulista
Sigla da instituição: UNOESTE
Departamento: Ciências Humanas
Programa: Mestrado em Educação
Citação: MANTOVANI, Talita Rafaele D Agostini. The vocational training policy of Mulheres Mil Program: an analysis of the experience developed at the Federal Institute of Paraná.. 2015. 134 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade do Oeste Paulista, Presidente Prudente, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: http://bdtd.unoeste.br:8080/tede/handle/tede/934
Data de defesa: 27-Mar-2015
Appears in Collections:Mestrado em Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_Talita_versao final_nov_2015(2).pdf397,84 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.